Arte, shows e outros passeios

Outras atrações em São Paulo na semana do Agile Brazil

Música ao vivo

  • 02 e 03/09 – Alanis Morissette no Credicard Hall. Ela vem ao país para divulgar seu sétimo álbum de inéditas, Havoc and Bright Light, que chega às lojas em 28 de agosto. Os ingressos vão de R$ 100 (platéia com visão parcial) a R$ 500 (pista premium).
  • 02/09 – Shirley King, filha do ícone do blues B.B. King no The Orleans. Apresentação única por R$ 50,00. Acompanhada do saxofonista Gerald Noel e da Ivan Márcio Blues Band, ela canta músicas de seu pai e temas de Etta James, entre outros. Com uma voz “entre Etta James e Tina Turner”, como ela mesma descreve, Shirley King começou a cantar profissionalmente aos 41 anos e gravou seu primeiro disco, “Jump Through My Keyhole”, em 1991.
  • 05/09 – Megadeth no Via Funchal A apresentação faz parte da turnê do grupo pela América do Sul. Eles tocarão músicas do álbum Countdown to Extinction (que completa 20 anos) na íntegra. Os ingressos custam de R$ 180 (pista) a R$ 340 (pista premium).

Exposições

  • até 7/10 – Impressionismo: Paris e a Modernidade – Obras-Primas do Museu d’Orsay no CCBB. Pela primeira vez no País uma seleção de 85 obras-primas do acervo do Museu d’Orsay, de Paris. Ocupa todos os espaços do Centro Cultural Banco do Brasil, um prédio lindo no centro velho de São Paulo. A mostra reflete a história da pintura ocidental no período que compreende a segunda metade do século XIX e início do século XX. Está dividida em módulos temáticos que apresentam as obras de Camille Pissaro, Claude Monet, Edgar Degas, Edouard Manet, Henri Toulosse-Lautrec, Paul Cézanne, Paul Gauguin, Pierre-Auguste Renoir e Vincent Van Gogh, entre outros mestres. É absolutamente imperdível.
  • até 30/09 – Caravaggio e seus seguidores no MASP. Pela primeira vez no Brasil seis obras do mestre Barroco Michelangelo Merisi da Caravaggio (1571-1610). Passando por diversas fases da vida do gênio, a mostra pode ser divida em três grandes blocos: trabalhos consagrados e conhecidos; novas descobertas; e obras “problema”, que ainda são objeto de estudo. Entre os trabalhos expostos estarão São Jerônimo Que Escreve e São Francisco em Meditação. Os dois quadros têm autoria incontestada e histórica atribuída a Caravaggio, mas a mostra traz outras obras, algumas de colecionadores, ainda controversas em relação ao autor.
  • 05 a 18/09 – The Elvis Experience no Shopping Eldorado- mais de 500 itens raros e pessoais, como utensílios, documentos e fotos, a maioria nunca vista fora de Graceland. Além da exposição, os fãs sul-americanos irão conferir uma experiencia única, a sensação de estar presente em um verdadeiro show ao vivo de Elvis Presley: “Elvis Presley in Concert”
  • até 23/09 – Carlos Cruz-Diez: Cor no Espaço e no Tempo na Pinacoteca do Estado de São Paulo de 3ª a dom, das 10 às 18h. São 150 trabalhos da trajetória do artista venezuelano que irá completar 89 anos. A exposição apresenta pinturas, gravuras, desenhos e instalações feitas por ele entre 1940 e 2000. A Pinacoteca por si só já é um bom passeio.
  • até 14/10 – Liberdade – Carlos Vergara no Memorial da Resistência, que fica onde de 1940 a 1983, era Departamento Estadual de Ordem Política e Social de São Paulo – Deops/SP, uma das polícias políticas mais truculentas do país, principalmente durante o regime militar. O antigo centro de detenção e tortura virou museu vinculado à Pinacoteca do Estado de São Paulo.
  • até 16/09 – III Mostra 3M de Arte Digital no Instituto Tomie Othake. Reúne obras de 15 artistas que tem como denominador comum o uso crítico e criativo das tecnologias. Além da exposição, serão oferecidas oficinas e sessões de cinema open air. É voltada à arte contemporânea e procura estimular formas de reflexão sobre a cultura digital e sua presença em todos os campos do conhecimento e do cotidiano.

Musical

  • Cabaret no Teatro Procópio Ferreira. Cláudia Raia produz e estrela montagem de um do musicais mais premiados de todos os tempos. Miguel Falabella assina a versão brasileira, que tem direção de José Possi Neto e produção geral de Sandro Chaim.

    Ambientada no Kit Kat Club, uma decadente casa noturna em Berlim, em 1931, a trama gira em torno do relacionamento da inglesa Sally com o escritor americano Cliff Bradshaw, encarnado pelo jovem ator Guilherme Magon, de apenas 25 anos. Paralelamente ao romance entre os personagens principais há ainda a relação entre uma alemã tolerante, Fräulein Schneider (vivida pela atriz Liane Maya), e um judeu, Herr Schultz (Marcos Tumura, protagonista de diversos musicais, entre eles Les Miserables e Miss Saigon).

  • Família Adams. Inspirado nos quadrinhos do cartunista Charles Addams, o musical estreou na Broadway em 2010 e ganha a primeira montagem internacional. Diversão certa, com uma história cativante, que reúne temas como amor, fidelidade e adaptação às diferenças. A produção traz Marisa Orth e Daniel Boaventura à frente de 27 atores e doze instrumentistas. O clã liderado por Morticia (papel de Marisa) e Gomez (Boaventura, impagável) passa por um momento de crise. Vandinha (Laura Lobo) arrumou um namorado “normal” e quer marcar um jantar para apresentá-lo aos pais um tanto esquisitos.

Corrida de rua

Outros

  • Feira da praça Benedito Calixto existe desde 1987 e é hoje um ponto de referência intelectual, cultural que faz parte da calendário turístico e de lazer de São Paulo. Acontece todos os sábados, das 9 às 19 horas, no bairro de Pinheiros. Conta com a participação de 320 expositores, com artesanato variado, obras de arte e antiguidades, além da praça de alimentação. Das 14:30 às 18:30, você pode comer uns petiscos e tomar cerveja ao som do tradicional chorinho da praça comandado por Canário e seu Regional.